Carregando, aguarde ...
Pular para o conteúdo

Como Sacar o PIS/PASEP: Um Guia Completo

O Programa de Integração Social (PIS) e o Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (PASEP) são benefícios fundamentais para os trabalhadores brasileiros. Saber como sacar esses recursos é essencial para garantir o recebimento de abonos salariais e outros benefícios financeiros. Neste guia completo, vamos explorar todos os detalhes sobre como sacar o PIS/PASEP, os critérios necessários e os documentos exigidos.


Anúncios

O que é o PIS?

O PIS é um programa destinado aos trabalhadores do setor privado, no qual as empresas depositam mensalmente uma contribuição em prol de seus funcionários. Esses valores são direcionados para o Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT), que oferece benefícios como abono salarial e seguro-desemprego. Os trabalhadores são cadastrados no programa uma única vez, no momento em que obtêm seu primeiro emprego formal.

O que é o PASEP?

O PASEP, por sua vez, é o Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público, destinado aos funcionários públicos. Assim como o PIS, as contribuições das entidades empregadoras são direcionadas para o FAT, financiando benefícios como o abono salarial e o seguro-desemprego. No entanto, o PASEP é administrado pelo Banco do Brasil (BB) e destina-se aos servidores públicos.

Como Sacar o PIS/PASEP?

1. Verifique se Você Tem Direito

Antes de sacar o PIS/PASEP, é importante verificar se você atende aos critérios estabelecidos:

  • Receber pelo menos dois salários mínimos;
  • Ter exercido uma atividade remunerada por pelo menos 30 dias;
  • Estar cadastrado no PIS/PASEP nos últimos cinco anos;
  • Ter a Relação Anual de Informações Sociais (RAIS) atualizada.

2. Escolha a Instituição Financeira Correta

O PIS é administrado pela Caixa Econômica Federal, enquanto o PASEP é gerido pelo Banco do Brasil. Certifique-se de escolher a instituição correspondente ao seu vínculo empregatício.

3. Reúna os Documentos Necessários

Para sacar o PIS/PASEP, é necessário apresentar alguns documentos básicos:

  • Cartão do banco;
  • RG;
  • CPF;
  • Passaporte (se aplicável);
  • Carteira Funcional do servidor (no caso de servidores públicos).

4. Proceda com o Saque

Se você possui conta na instituição financeira correspondente, o valor do PIS/PASEP será depositado automaticamente. Caso contrário, siga os passos abaixo:

  • Dirija-se a um caixa eletrônico, correspondente da Caixa Aqui, unidade lotérica ou agência bancária;
  • Utilize o Cartão do Cidadão e a senha para efetuar o saque.

5. Receba o Valor de Acordo com seu Tempo de Trabalho

O valor do PIS/PASEP varia de acordo com o tempo de serviço prestado. Por exemplo:

  • Para um mês de atividade remunerada, o valor é de R$92;
  • O valor máximo a ser pago por 12 meses é equivalente a um salário mínimo, sendo multiplicado pelos meses de trabalho.

Conclusão

Saber como sacar o PIS/PASEP é fundamental para garantir o recebimento de benefícios salariais essenciais. Certifique-se de atender aos critérios estabelecidos e reúna os documentos necessários para realizar o saque de forma eficiente e sem complicações.

Envie para um amigo!
↓↓↓ Compartilhe ↓↓↓

Share on whatsapp
Compartilhar no WhatsApp
Share on facebook
Compartilhar no Facebook
Marcio Ribeiro

Marcio Ribeiro

Especialista em crédito e um amante automotivo. Antes de mais nada, apaixonado por tecnologia e automóveis! Bacharelado em Comunicação Social e MBA em Gestão de Negócios, com mais de 13 anos de trabalho dedicado ao mercado digital, sempre fui norteado pela busca da seriedade e credibilidade da informação.

↓↓↓ Você também pode gostar ↓↓↓