SHOPPING DEL REY CELEBRA 29 ANOS COM NOVAS LOJAS E FOCO NA EXPERIÊNCIA FÍGITAL

Empreendimento passa por modernização de olho nos desafios do futuro

Empreendimento, localizado na região da Pampulha, ganhou 15 novas lojas nos últimos quatro meses | Crédito: Sixstar

Nesta semana, o Shopping Del Rey completa 29 anos. Apesar dos desafios enfrentados pelo setor em 2020, o empreendimento tem bons motivos para comemorar. Nos últimos meses, na contramão do mercado, o mall inaugurou novas operações que integram o seu plano de reposicionamento e acelerou a implantação de soluções de experiência fígital – combinação dos ambientes físico e digital -, que criam novas possibilidades de interação com o consumidor e prometem ressignificar datas importantes, como o Natal.

A onda de boas novas dá fôlego ao empreendimento após um ano desafiador. Com as portas fechadas por quase 170 dias, em cumprimento às medidas restritivas de prevenção ao contágio pelo novo coronavírus, o Del Rey entoou o mantra da “reinvenção” e descobriu novas formas de se conectar com o seu lojista e o cliente, se mantendo atrativo. “Sem dúvida, esse foi um dos anos mais desafiadores da nossa história e a postura que assumimos fez toda a diferença. Com as portas fechadas, voltamos o nosso foco integralmente para dentro e fomos buscar novas alternativas que apoiassem o nosso lojista – o principal afetado. Iniciamos um ciclo de maior diálogo, com negociações flexíveis e personalizadas e investimos em consultorias gratuitas com um time de especialistas para dar maior segurança e prepará-los para os próximos passos. Em seguida, aceleramos a implantação do nosso processo de digitalização, que já estava previsto, mas não podia esperar, abrindo uma nova porta de entrada para o consumidor”, conta Miguel Magnavita, superintendente do Shopping Del Rey.

A mentalidade adotada pelo mall mostra que, apesar da idade, o seu posicionamento está alinhado às novas tendências de gestão, que trabalham o crescimento e o aprimoramento de processos com base em pequenos ciclos de aprendizagem.

Já no primeiro mês, após a determinação do fechamento, o Del Rey lançava uma campanha de Mães, totalmente reformulada, convidando o público para uma primeira experiência de compra digital – venda online com delivery e voucher de uso posterior. A partir daí, vieram o Dia dos Namorados, o Dia dos Pais e a implantação do Delivery Center e do drive-thru. “Acredito que a maturidade do empreendimento foi fundamental nesse momento. Trouxemos alternativas que geraram certa movimentação para o nosso lojista e o conscientizamos de que a mudança no comportamento do consumidor viria com o tempo. Testamos novos formatos e soluções com o objetivo de apresentar ao cliente uma nova possibilidade de compra, que não inviabiliza a experiência física, mas oferece novos atributos vantajosos. A sensação de que estávamos no caminho certo veio quando os lojistas compartilhavam seus bons resultados na venda à distância”, revela Miguel.

anúncios

A estratégia deu certo e transmitiu maior segurança para quem estava disposto a abrir suas portas em meio ao cenário adverso. De junho até agora, 15 novas operações chegaram ao Del Rey e há previsão de que este número cresça ainda mais nos próximos meses. Um exemplo é a grife global Tommy Hilfiger que levou ao shopping sua única loja oficial na capital mineira. “Nós temos uma ótima relação com o Del Rey e acreditamos muito nessa parceria. Essa é a segunda operação que trazemos pra cá – a primeira foi a Klus. O apoio que recebemos nesse momento de retomada das atividades foi essencial para que inaugurássemos com confiança no futuro”, afirma Salvador Ohana, franqueado da marca em Belo Horizonte.

De olho no futuro

O Del Rey tem se dedicado nos últimos anos a um plano de modernização, que envolve não só a revitalização de sua infraestrutura física, como o reposicionamento de seu mix e das interfaces de relacionamento com o consumidor. As mudanças já são sentidas por quem frequenta o shopping. “O nosso projeto de modernização está em plena execução. Realizamos investimentos e intervenções que trazem mais conforto à experiência do cliente. Para os próximos anos teremos novidades, principalmente, na parte de entretenimento, que é uma de nossas vocações naturais”, afirma Marina Diniz, gerente de marketing do Del Rey, destacando que o desafio do momento é levar lazer de qualidade também ao universo digital.

O shopping já experimentou alguns formatos ao longo dos últimos meses, como lives sobre assuntos diversos, exposições virtuais e experiências gameficadas nos ambientes físico e digital. Mas, é no Natal que esse movimento deve se consolidar. Sem poder contar com a presença física do “bom velhinho”, decisão que preserva a segurança dos atores que integram o grupo de risco, o  mall leva o personagem para o ambiente digital: em formato de animação interativa, exibida em uma super tela na praça de eventos (1º piso), e também por meio das redes sociais (@shoppingdelrey), compartilhando um pouco de sua rotina na quarentena, enquanto prepara os presentes. Além dos recursos tecnológicos, Papai Noel também irá se comunicar de forma “analógica” com as crianças, por meio das tradicionais cartinhas e do Noel Fone, que permite ao pequeno conversar ao vivo com o ícone natalino pelo telefone.

“O nosso objetivo é trazer um pouco da magia e da alegria da data à experiência do cliente, seja no ambiente físico ou digital. Cada um sabe qual é a jornada que se adequa melhor ao seu momento. Então, teremos um Natal híbrido, com ações especiais para quem escolher vir ao shopping, tendo a tranquilidade de que cumprimos um rigoroso protocolo de segurança e higienização, e também para aqueles que preferem se manter em casa”, enfatiza Marina Diniz.

Written by Marcela Cunha

Clube Extra comemora aniversário com ofertas e condições de pagamento especiais

MRV e Direcional Engenharia são destaques no Show da Casa Própria em Belo Horizonte