Projeto Vida por Vidas mobiliza doação de sangue para fortalecer baixa no estoque do Hemominas

Ação acontece no Dia Mundial do Doador de Sangue e visa arrecadar 100 bolsas de sangue

Doar sangue é um gesto solidário e salva vidas. É com essa motivação que o Projeto Vida por Vidas está mobilizando jovens adventistas e a comunidade para suprir a demanda dos estoques de sangue no Hemocentro de Minas Gerais (Hemominas), em Betim.

O nível dos estoques do Hemominas está mais baixo do que no período crítico da pandemia, de acordo com balanço divulgado pelo órgão. Hellen Heloisa Dupim, responsável pelo setor de captação do Hemominas, afirma que só quatro dos 10 doadores regulares antes da pandemia voltaram. “Os nossos tipos sanguíneos positivos estão com uma queda de aproximadamente 50%. Já os negativos, estão mais baixos ainda, aproximadamente 60%”, ressaltou em entrevista ao G1 em maio deste ano.

anúncios

Pensando nisso, no Dia Mundial do Doador de Sangue, 13 de junho, a Igreja Adventista do Sétimo Dia (IASD) na Grande BH promoverá uma manhã destinada à doação de sangue. 40 voluntários inscreveram-se para participar da ação solidária e a meta é coletar 100 bolsas de sangue no dia. “A doação dessa quantia representa 400 vidas ajudadas! Nós estamos trabalhando com o número máximo de pessoas que o Hemominas aceita por dia, ainda faltam 20 vagas, e o nosso objetivo é alcançar esse número nesta terça”, afirma Alessandro Victor, coordenador do projeto Vida por Vidas.

“Quero ressaltar que o projeto é da Igreja Adventista, mas é um projeto nobre que todos podem participar, porque todos podem ser esperança para alguém que precisa”, reitera.

A ação acontecerá no Hemominas em Betim, nesta terça (14) das 09h às 11h. Esta ação em particular contará com o apoio do Rogério Fernandes, campeão mundial de vôlei e membro da UNESCO e da Lorena Soares, Miss Brasil Internacional. Ela já teve câncer, precisou de transplante de medula óssea e doação de sangue.

Vida por Vidas

Criada em 2005, o Projeto Vida Por Vidas é uma ação organizada pela Igreja Adventista do Sétimo Dia, em países da América do Sul. Em Belo Horizonte o projeto conta com total participação da igreja, amigos voluntários e com o apoio do Hemocentro.

O projeto Vida Vidas tem sido internacionalmente conhecido como a “campanha notável que incentiva a doação de sangue” reconhecida pela Organização coordenado Mundial da Saúde (OMS).

A Organização Pan-Americana da Saúde foi responsável pela nomeação do projeto e o reconhecimento veio através do prêmio concedido em 2006 na sede da OMS em Washington.

 

Como participar

anúncios


Para participar do Projeto Vida por Vidas na Grande BH, o interessado pode entrar em contato pelo número 31 9149-6775.


Para ser um doador de sangue, basta fazer o agendamento pelo site www.hemominas.mg.gov.br ou pelo telefone 31 35121050 (Hemominas Betim).

Por Redacao

.

Projeto “Santa Leitura” retoma as atividades na praça de Santa Tereza com formato inovador

Máscaras voltam a ser obrigatórias em ambientes fechados de Belo Horizonte