Preço da gasolina e do diesel deve sofrer queda

Foto: Divulgação




A gasolina e o óleo diesel devem ficar mais baratos em todo o país. Pelo menos é o que aponta a Petrobras. Recentemente a companhia anuncou uma queda de 2,08% na gasolina e 1,54% no diesel.

Apesar os valores, a queda da gasolina acontece depois de 11 aumentos consecutivos em apenas 17 dias e do óleo diesel foram sete dias de aumentos consecutivos. Somente no mês de maio a Gasolina acumula uma alta de 16,07% e o diesel de 12,3%.

A queda de valores é ocasionada pela Greve dos Caminhoneiros que já dura 5 dias em todo o Brasil. O principal motivo é a alta no aumento do diesel.

+Michel Temer autoriza o uso das forças armadas para desbloqueio de rodovias 

anúncios

+4 serviços essenciais afetados pela greve dos caminhoneiros em Belo Horizonte 

Mudanças

Há discussões no governo sobre a possibilidade de redução da cobrança de tributos sobre os combustíveis. Existem situações em que a composição de impostos chega a quase a metade do valor final do preço da gasolina e do diesel nas bombas de todo o país.

Segundo a Petrobras, os aumentos são consequência das oscilações do preço do barril do petróleo no mercado externo. De acordo com a estatal, “os combustíveis derivados de petróleo são commodities e têm seus preços atrelados aos mercados internacionais, cujas cotações variam diariamente, para cima e para baixo”.

A companhia destacou que a variação dos preços nas refinarias e terminais é importante para que a empresa possa competir de forma eficiente no mercado brasileiro.

*Com informações retiradas da Agência Brasil

Por Redacao

.

Michel Temer autoriza uso de forças armadas para desbloqueio de rodovias

Quadrinista italiano promove bate-papo em Belo Horizonte