Não sabe o que fazer com a nota do ENEM? Confira essa 4 dicas que preparamos

Foto: Divulgação

No próximo dia 18 o Inep deve divulgar as notas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). O exame foi realizado em novembro de 2017 por milhares de estudantes e também não estudantes do Brasil. Mas você sabe o que pode fazer com essa nota?

O exame foi criado para avaliar os conhecimentos dos estudantes que concluíram o ensino médio, e já tem alguns anos que o exame substitui vestibulares no acesso a instituições federais de ensino superior. Entretanto, essa não é a sua única função.

Confira a seguir algumas dicas do que fazer com a sua nota do enem

Sistema de Seleção Unificada (SiSu)

anúncios

As notas são a porta de entrada para a maioria das instituições federais de ensino do Brasil. Algumas ainda possuem o vestibular e fazem uma combinação das duas notas para aprovar os classificados. As inscrições devem ser abertas já no próximo dia 23 (segunda) e na sua última educação o programa ofereceu mais de 200 mil vagas.

Programa Universidade Para Todos (PROUNI)

As bolsas são oferecidas através das notas do ENEM. Os descontos nas mensalidades de instituições particulares variam entre 50% a 100% e o candidato precisa ter no mínimo 450 pontos e não zerar a redação. Em sua última edição também foram oferecidas mais de 200 mil bolsas.

Financiamento Estudantil (FIES)

Para garantir o financiamento estudantil (FIES) é necessário ter feito o Enem. Os requisitos são os mesmos do prouni, não ter zerado a redação e ter obtido no mínimo 450 pontos. Através do programa é possível financiar os cursos de graduação mais bem avaliados pelo Ministério da Educação. As taxas de juros são mínimas, podendo chegar a ZERO, dependendo da renda do aluno.

Sisutec

É o sistema de Seleção Unificada para Educação Profissional. O processo funciona da mesma forma que o Sisu e pode ser feito pelo aluno que concluiu o ensino médio e tenha feito o ENEM. O programa foi criado para aumenta o acesso aos cursos profissionalizantes, uma vez que, a procura no sistema público é maior que o número de vagas. 

O resultado pode ser consultado a partir do dia 18 de janeiro clicando aqui.

anúncios

Por Redacao

.

Morte por febre amarela é confirmada na Capital

Cartilha com alternativas para os resíduos da construção civil é lançada em MG