Música e histórias infantis são atração de férias no Minas Shopping

O projeto “Era Uma Vez – Oficina de Contação de Histórias”, realizado todos os domingos no Minas Shopping, vai apresentar, no dia 21 de julho, as histórias “Os três jacarezinhos” e “A nuvenzinha triste”. De forma envolvente, com canções recheadas de mistérios, os contadores de histórias Aline Medeiros e Túlio Rocha, convidam a plateia a uma viagem pelo mundo da imaginação nessas férias escolares.

A cada edição do projeto, que é uma parceria entre o Instituto Gil Nogueira (IGN) e o Minas Shopping, uma nova história é apresentada ao público, proporcionando uma divertida opção de lazer em família.

A atividade terá início às 14h, no Piso 2, em frente a padaria Pão Pão. A programação é gratuita e outras informações podem ser consultadas no site www.minasshopping.com.br.

anúncios

A primeira narrativa, “Os três jacarezinhos” é um reconto dos três porquinhos. Na história, três jacarezinhos saem de casa para viver por conta própria em um pântano. O primeiro constrói uma bela casa de areia; o segundo, então faz sua casa com galhos; e o terceiro decide fazer uma casa de pedras, que é a mais difícil e trabalhosa para construir. Mas, qual casa será mais forte para enfrentar o malvado Javali? A contação ensina as crianças a ter coragem, mas também reforça a importância de ajudar o próximo.

Já o conto “A nuvenzinha triste” narra a história de uma nuvem fofinha como flocos de algodão, que vivia muito triste lá no céu. Ela achava sua vida sem graça, pois não sabia para quê uma nuvem servia, qual sua utilidade ou função na terra. Até que decide mudar de forma e se transforma em tu o que vê.

A nuvem, então, faz uma amizade com uma florzinha e descobre um novo sentido para sua vida. A história trabalha o emocional, a autoestima e a auto aceitação das crianças, a partir de muitas brincadeiras.

Contadora de histórias há 20 anos, a também atriz, pedagoga e arte-educadora Aline Medeiros é nascida em Belo Horizonte e narra histórias conhecidas e passadas de geração para geração em escolas, livrarias, editoras e projetos literários. Os pequenos são convidados a explorar o espaço cênico, os objetos e instrumentos utilizados durante a contação de história, construindo uma divertida brincadeira de “faz de conta”, que incentiva interação com os contadores.

Sobre o Instituto Gil Nogueira

O Instituto Gil Nogueira é uma ONG qualificada pelo Ministério da Justiça como Oscip (Organização da Sociedade Civil de Interesse Público). Foi constituída, em 2006, com o objetivo de reduzir o analfabetismo funcional por meio da leitura, desenvolvendo ações junto à sociedade, como o projeto “Ler é Viver”, que já beneficiou mais de 60 mil crianças do ensino fundamental da rede pública de ensino do Estado de Minas Gerais. Ao longo dos seus 12 anos, mais de 1 milhão de livros foram lidos e interpretados em 57 escolas.

Written by Redacao

.

Amipão oferece curso de capacitação profissional para atendentes de padarias

Vamos viajar? Companhia aérea surpreende e lança promoção que garanta passagens de ida e volta por apenas R$ 192 nos voos de BH