MÃOS DE ARTE: EXPANSÃO E OTIMISMO EM 2020

Roberta Fermann celebra crescimento com matriz da marca no Pátio Savassi, segunda unidade no Boulevard Shopping e lançamento de e-commerce com expansão nacional e loja conceito

Proprietária Roberta Fermann em sua unidade no Pátio Savassi / Crédito: Milena Vieira

Janeiro já está chegando ao fim, mas a sensação de novidade que 2020 trouxe parece perdurar, em especial para Roberta Fermann. Comemorando dois anos de sua Mãos de Arte, grife de elementos de decoração inspirados na filosofia budista, a arquiteta gaúcha que se descobriu empresária ao vir pra BH, traz novidades às suas lojas no Pátio Savassi e no Boulevard Shopping: esta semana, os quiosques 360º ganharam novas localizações em cada um dos malls, além de reformulações em seus layouts.

A matriz Mãos de Arte, que foi inaugurada no Pátio no fim de 2018, permanece no mesmo piso, L2, porém em novo corredor; agora, em frente à loja-âncora da Renner, no miolo do mall, o QG da grife de decoração na Savassi se mantém longe dos raios solares que incidiam em excesso na localização anterior dentro do shopping. Sorte dos Budas, Ganeshas e Olhos Gregos que completam o mix de mais de 400 itens importados da rede.

anúncios

Já na mais recente novidade da empresária, a segunda unidade inaugurada em outubro passado no Boulevard, a mudança também não foi de piso, que permanece no 2º, mas na localização estratégica: agora, a Mãos de Arte no shopping do Santa Efigênia encontra-se no átrio principal do centro de compras.

Roberta celebra as boas projeções com as mudanças – cujas expectativas de aumento nas vendas variam de 30% a 100%, respectivamente – e adianta o lançamento nacional de sua Mãos de Arte por meio do e-commerce em março. “Para 2020, vamos projetar o negócio nacionalmente com lançamento do e-commerce até março. Fui sentindo que existe uma demanda de clientes interessados em nosso mix de outros estados e resolvi investir neste braço também. Penso que mesmo já havendo algumas plataformas online, temos um grande diferencial que é a curadoria das peças”, explica a empresária. E não para por aí: programado para acontecer antes do aniversário de 2 anos da marca, o lançamento de uma loja conceito vai abrigar, ainda, um galpão para melhor suporte às vendas online.

A empresária, que escolheu conciliar a carreira de arquiteta com a busca pelo equilíbrio energético, garante que os novos rumos profissionais reconfortaram mais que seu espírito, mas também o bolso, encerrando 2019 com 100% do faturamento superior à mesma época em do ano anterior. A expectativa é dobrar essa marca até o segundo aniversario Mãos de Arte, comemorado em outubro.

 

Written by Nancy Ribeiro

Bartucada apresenta mais uma edição do seu pré-carnaval

Manoel Bernardes exibe suas novas peças ao público atacadista na próxima edição da Feninjer