Junho vermelho: mês de incentivo à doação de sangue celebra ainda o dia mundial do doador

O Shopping Estação BH e a Fundação Hemominas – que mantém uma unidade de coleta dentro do mall de Venda Nova –, uniram forças para incentivar a doação de sangue. Numa ação contínua, o empreendimento isenta de cobrança do estacionamento todos os candidatos à doação de sangue, reservando ainda a primeira quarta-feira de cada mês para um trabalho de conscientização de seu público.

Desta vez, amparado pelo Dia Mundial do Doador de Sangue, celebrado dia 14 de junho, o shopping vai usar seus canais de divulgação para ressaltar a importância do gesto, lembrando ainda o Junho Vermelho.

anúncios

Criada em junho de 2015 e estendida pelo Ministério da Saúde para todo o país, a campanha Junho Vermelho tem como objetivo incentivar o espírito de solidariedade quanto à doação de sangue, conscientizando a população de que é um ato de amor ao próximo, atitude que salva vidas.

“Poucas pessoas sabem, mas há uma diminuição drástica no número de doadores durante os meses de junho, tornando o período o de maior escassez nos estoques de sangue. Cientes disso, precisamos fazer nossa parte, ainda mais como um dos pontos de coleta da Hemominas no Vetor Norte”, reforça Letícia Pinho, gerente de marketing do shopping. O mês de junho motivou a criação da campanha por ainda compreender o período de férias escolares, bem como o aumento na incidência de infecções respiratórias, propiciado pela queda das temperaturas, levando as pessoas a se recolherem, deixando-as menos propensas a sair de casa e doarem sangue.

“Faremos abordagens diferentes a cada mês. Agora, por exemplo, teremos o Dia Mundial do Doador de Sangue; já em novembro será a vez do Dia Nacional do Doador de Sangue, mas independentemente dessas celebrações, sempre é tempo de incentivar um gesto tão bonito e necessário”, reforça a representante do empreendimento.

A unidade da Hemominas no Shopping Estação BH está localizada no 4º piso, atrás dos cinemas, com acesso pelo elevador de serviço 3, próximo à entrada principal da Avenida Cristiano Machado. O horário de funcionamento para as 0doações é de segunda à sexta-feira, das 8h às 18h30. “O acesso dos doadores à unidade de coleta antes das 10h requer agendamento prévio, e a entrada não será liberada se os doadores não estiverem na lista de agendamentos do dia”, alerta Letícia.

O agendamento da doação pode ser feito no site www.hemominas.mg.gov.br ou pelo aplicativo MG App Cidadão. Segundo a gerente de marketing, a liberação do estacionamento será concedida a todos os candidatos que apresentarem o comprovante de comparecimento emitido pela Hemominas. “Basta levar esse documento até o nosso SAC e pegar a cortesia do estacionamento, que será válida por até três horas”, explica.

 

Para doar sangue

Conheça as condições e restrições para doação de sangue. Entre os critérios básicos, destacam-se:

  • Estar em boas condições de saúde;
  • Ter entre 16 e 69 anos de idade. Jovens de 16 e 17 anos podem doar, acompanhados pelo responsável legal ou portando autorização disponível no link: Doação 16 e 17 anos A partir de 61 anos, o candidato à doação precisa comprovar a realização de pelo menos uma doação anterior.
  • Pesar mais de 50 kg;
  • Estar bem descansado no momento da doação;
  • Estar alimentado – após almoço, jantar ou refeições com conteúdo mais gorduroso, deve-se aguardar três horas para efetuar a doação;
  • Não ingerir bebida alcoólica 12 horas antes da doação;
  • Não ter sido exposto a situação de risco para doenças transmissíveis pelo sangue;
  • Não ter tido hepatite após os 11 anos;
  • Não ter feito tatuagem/sobrancelha definitiva/botox/piercing nos últimos 12 meses. Piercing em região oral ou genital impede a doação de sangue por 12 meses após a sua retirada;
  • Mulheres, mesmo se menstruadas ou em uso de anticoncepcionais, podem doar;
  • Apresentar documento de identificação oficial e original, com foto, filiação e assinatura.

Por Redacao

.

Gin e Whisky mineiros são escolhidos para brindar jubileu de platina da rainha Elizabeth II

Belo Horizonte recebe primeira edição de evento da Projuris sobre temas jurídicos em alta