Empresas com práticas em inclusão são premiadas pelo Instituto Mano Down

anúncios

Com o objetivo de valorizar as iniciativas para a inclusão das pessoas com deficiência, em especial a Síndrome de Down, o Instituto Mano Down entregou uma condecoração às empresas e personalidades mineiras parceiras da associação.

Receberam o Selo Empresa Amiga 31 empresas:  BH obstáculos, Unilever, Serendipidade, Nova Safra, BTG Pactual, Kallas Mídia, Neooh, Soul Sports, Casa Montti, Trank.co,  98 FM, Super Globo, Unidas, Banco Inter, Minasligas, CCR, Lacerda Diniz e Senna, Barbosa Freire, TiDelso, Patrus Transportes,            Matrix do Brasil, Inova BH, Telefônica Vivo, Grupo Zelo, Tracktbel, Materdei, Laboratório Aché, Gether, MRV, Direcional Engenharia e Vilma.

anúncios

O Selo Pessoa Amiga do Mano Down foi entregue a Caíque Valério, Arthur Bossolli, Bruno Carneiro, Antônio Guerardi, Marco Antônio Gomes, Rodrigo Gallas, Cristiano Lobo, Leo Jchebly, Ricardo Almeida, Rafael Carneiro, Gatti, Alexandre Martins e Samy Danna.

A Iniciativa do Instituto Mano Down pretende estimular e reconhecer práticas de pessoas e empresas, que promovem e apoiem a causa da inclusão social. Para isso, o Instituto Mano Down definiu 4 critérios para a participação no Selo: promover a diversidade, ações voluntárias, investimento social e dar oportunidades para pessoas com deficiência intelectual, com a contratação de profissionais com deficiência ou serviços Mano Down.

anúncios

“O selo certifica o comprometimento com a causa social e também assegura a disposição em construir uma sociedade mais humana, justa e inclusiva. Além disso, tem o objetivo engajar pessoas e empresas com o desenvolvimento, autonomia e inclusão das pessoas com deficiência intelectual”, destaca Leonardo Gontijo, idealizador e presidente do Instituto Mano Down.

Globo contrata primeira narradora de futebol da história da emissora

Mostra de Brechós no Quase Tudo Bazzar