BH não ficará sem abastecimento de água

Foto: Divulgação

Na tarde desta sexta (25) o desespero tomou conta dos moradores de Brumadinho – Região metropolitana de Belo Horizonte. O rompimento da barragem de feijão deixou mais de 300 desaparecidos e a lama de rejeitos deve chegar ainda hoje ao Rio Paraopeba.

A questão ainda deixou em estado de alerta os moradores de Belo Horizonte, que receberam noticias falsas de que poderia falatar água na capital em detrimento da tragédia.

+Barragem rompe em Brumadinho – Veja Vídeo!

Diante da situação, a Copasa publicou uma nota, na qual esclarece que não há risco do rompimento do abastecimento de água na capital.



Confira:

anúncios

A Copasa informa que o abastecimento de água da Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH) não será prejudicado com o rompimento da barragem Mina Feijão, em Brumadinho, de responsabilidade da Vale, ocorrido na tarde desta sexta-feira (25/01).

A Companhia informa que está monitorando a situação e acompanhando no local. Caso seja necessário, o abastecimento da região atendida pelo sistema Paraopeba, passará a ser realizado pelas represas do Rio Manso, Serra Azul, Várzea das Flores e pela captação a fio d’água do Rio das Velhas.

Por Redacao

.

Sinduscon-MG reúne profissionais de RH para troca de experiências

Quer ajudar #Brumadinho ? Confira 4 pontos de recolhimento de donativos em BH